Fórum unbreakable
Olá visitante!!!

Para ter acesso a tradução do Livro Conspiração Michael Jackson da Afrodite Jones, você precisa ser cadastrado no site. Desculpe-nos o inconveniente. Não esqueça de comentar agradecendo a gentileza do administrador.

Não esquecer de ativar a conta no seu E-mail.

Agradecemos o seu interesse e seja bem vindo(a) ao Unbreakable.

Atenciosamente a Administração.

o curriculum de c. murray

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

o curriculum de c. murray

Mensagem por nazavip em Ter Maio 04, 2010 5:40 pm

O Currículo De C. Murray

--------------------------------------------------------------------------------



Por causa da pesquisa feita pela meninas, fiquei mais curiosa a respeito de Conrad Murray, ou Concon, para os íntimos. Como eu já estava pesquisando a origem desse ser, já tinha algumas anotações, mas, depois da postagem delas, procurei ter um tempinho nesse final de semana pra matar a minha curiosidade.
Especula-se muito a respeito da identidade dele e há quem acredite que ele sequer exista. Já li depoimentos de pessoas que acham, até, que ele é mais um disfarce de Michael Jackson, alegando que nunca se viu os dois juntos. Outras pessoas acreditam ser ele um ator e, realmente, existe um ator com o mesmo nome. Mas Conrad Murray é um nome comum, e o tal ator, pelo que pude apurar, é só um homônimo, mesmo.
Na verdade, não podemos afirmar nada, tanto uma quanto outra teoria pode estar certa, mas, pessoalmente, fiquei curiosa e vasculhando a internet, achei informações a respeito do médico. Achei fantástica a pesquisa feita pelas meninas. Em outros posts, pelo que entendi (me corrija, Laís, se estiver errada), percebi que Laís entende que ele, é realmente, um ator (talvez não profissional, mas alguém contratado para aquele papel). Portanto, são idéias contrárias de pessoas a quem respeito muito e que já me fizeram mudar de opinião em outros assuntos. Longe de mim desmenti-las (até porque estamos aqui conjugando idéias e porque sou fã delas), minha intenção é, apenas, trazer dados para discussão.
De início, desprezei os sites e blogs especializados em Michael Jackson, para não sofrer influência de outras pessoas que pensassem como eu. Aliás, com sinceridade, leio muito pouco outros sites e blogs, porque não acredito, mesmo, que alguém possua informações privilegiadas e, aqui, temos uma equipe ótima e inteligente que não deixa nada a desejar. E, atualmente, vendo o número de plágios (Fé, me desculpe, mas essa palavra é a que melhor expressa a mania do CTRL X e CTRL V) que estamos sofrendo, vejo que, realmente, aqui ainda é um dos melhores blogs e com maior variedade de informações e idéias diferentes.
Voltando ao assunto, na pesquisa, me voltei para os sites e blogs, digamos, imparciais, de informações ao público em geral. Vi vários mas, por economia, vou citar, aqui, os que mais me esclareceram.
Comecei a pesquisa informal, por um site americano de indicação de médicos especialistas, o Vitals (http://www.vitals.com) e nele, encontrei as informações básicas, acompanhadas de fotos. Assim, ali, fiquei conhecendo um dos endereços de Conrad Murray era a clínica Cardiovascular Global Assoc., localizada em Las Vegas, na 2110 E Flamingo – Rd. Ste 301.
De acordo com aquele site, Conrad cursou o Meharry Medical College School of Medicine, concluindo o curso em 1989, com residência em Loma Linda University Medical Center e em Loma Linda University School of Medicine.
Curioso é que, antes do dia 25 de junho, constavam do site comentários de pacientes, muito elogiosos. Por exemplo, uma das pacientes, dizia ser ele “um homem surpreendente: ele é bom, honesto, e leva tempo para explicar exatamente o que é que pode estar errado, ele é um excelente cardiologista., e demonstra tanta preocupação para todos” (postado em 12 de agosto de 2.008). Outro paciente diz: “Sua formação e experiência são apenas acompanhados por seu comportamento e cuidado compassivo. Ele não só salvou a minha vida, mas me permitiu desfrutar plenamente todas as suas bênçãos.” (postado em 21 de março de 2.007). Depois de 25 de junho, evidentemente, choveram ofensas e ameaças no site.
Ah, uma curiosidade: ao que tudo indica, Conrad não é o único médico na família. Na mesma clínica trabalha, também, a drª Blanche Bonnick Murray, especialista em medicina de família (mais ou menos equivalente a uma clínica geral), que se formou pela mesma faculdade.
Continuando, pesquisei no site Dr. Score (http://www.drscore.com), também de busca de médicos, encontrando as mesmas informações.
Em outro site de busca de médicos, o Houston Doctors Reviews (http://www.houstondoctorreviews.net), encontrei novo endereço, da clínica : Acress Home Heart & Amp. Vascular Inst. – 6826 West Montgomery – Houston, TX 77091. Ali, consta, também, a mesma faculdade e ano de formatura dos demais, e o ano de nascimento (1958).
Finalmente, pesquisei o mais importante site no assunto, o realmente oficial site do Conselho Médico da Califórnia (http://www2.dca.ca.gov) e, nele, obtive o número de licença de Conrad Murray (G71169) e a informação de que ela data de 22 de abril de 1.991 e é válida até 28 de fevereiro de 2.011. Confirmei, ali, as informações relativas à faculdade e ao ano de formatura.
Pelas minhas pesquisas, então, podemos chegar a duas conclusões:
1 ) todo esse currículo foi previamente “montado”, o que não é nada difícil. Não podemos esquecer que Ortega estava unido a Michael há mais ou menos três anos, a pretexto de planejar essa “turnê”. Como a gente sabe que a intenção de Michael jamais foi de fazer a turnê, então é de se concluir que a união dos dois tinha outros objetivos. Tanto Frank Dileo quanto Randy Phillips disseram que Concon era o médico de Michael há três anos (ele não foi contratado pela AEG como eu pensava, mas, sim, escolhido, pessoalmente, por Michael). Três anos é tempo suficiente para criar um histórico de uma pessoa, então Concon pode ser um ator, sim, com um currículo montado com paciência e detalhes e lançado na internet, inclusive em sites oficiais. Ora, se até a atuação da polícia de Los Angeles é suspeita, é porque, como disse a Laís desde o início, existe uma “força” maior atuando.
Ouuuuuuuuuuu …
2) Concon existe e é médico, mesmo. E dos bons, daqueles que sabem muito bem onde fica o coração e que não se faz massagem cardíaca sobre uma cama macia. Daqueles que sabem que não se aplica sedativos trocentas vezes num paciente e depois, uma dose de Propofol e que, num momento de emergência, não se perde tempo pendurado num celular, ligando pra Deus e todo mundo, nem se chama uma criança de doze anos de idade, filho do paciente em perigo. Se for assim, Conrad não foi imperito, de forma alguma, com Michael e nem com ninguém (aliás, em relação à prática da medicina, sua ficha é impecável, e olha que é difícil um médico de cinquenta anos que não tenha, jamais, respondido a um processo por erro médico, mesmo que injustamente). Ele só pode ser considerado um ator porque não errou em nada em sua atuação, disse a sua fala quando foi mandado, é obediente e, ao contrário de outros, não meteu os pés pelas mãos.
Eu acredito na segunda opção. Michael precisava de um médico habilitado e Conrad estava numa situação financeira deplorável. Sua clínica tinha dívidas em valor superior a 400 mil dólares, por causa de condenações anteriores. Ele tinha dívidas com dois cartões de crédito. Agora, a gente ficou sabendo de uma dívida de mais de 13 mil dólares de pensão alimentícia para o filho. O que temos? Juntamos a fome com a vontade de comer.
A exposição de uma pessoa que não seja médica, de forma internacional, como foi feito, poderia gerar o risco de que o Conselho de Medicina se manifestasse ou de algum médico, isoladamente, ou, ainda, de um grupo independente, associações ou sindicatos de médicos. Vejam que a atuação de Conrad Murray, como foi relatada, deu a entender que ele foi de uma imperícia extratosférica, o que denigre a imagem dos médicos, de forma geral. Ora, outro médico que estranhe a identidade dele ou, pior, que saiba que ele não é médico, não se manifestaria, até para proteger a imagem de sua classe profissional? Acredito eu que sim. Temos que lembrar que, embora o esquema seja forte, existem pessoas que não estão incluídas e, dentre elas, existem aquelas que fazem qualquer coisa para “aparecer”.
Se a minha opção está certa, então porque Conrad está escondido? Ele não tem medo do inquérito (que sumiu do mapa, se é que já existiu), porque sabe que não responderá por crime algum, pelo andar da carruagem e se, um dia, for denunciado, vai ser absolvido ou receber uma pena tão leve que dá até raiva. Ele está sumido, na minha opinião, por duas razões: 1) ele está naquela “missão especial” que falou na carta que escreveu para os seus outros pacientes, quando avisou que se afastaria da sua clínica, dias antes da “morte”, lembram?. Ele está cuidando, e bem, do seu paciente mais importante; 2) ele tem medo, (e com razão) de uma possível reação de um fã mais fanático. Esse, sim, é um perigo real. As pessoas são imprevisíveis, Michael Jackson é adorado, inclusive por malucos (olha o nosso exemplo). Mas enquanto existem os malucos-beleza, existem, também, os malucos “justiceiros” e é desses que Conrad vai ter fugir durante o resto de sua vida.
Essas são as minhas idéias, que quis trazer para vocês pra gente pensar sob vários ângulos, até desvendar o mistério que é Concon.


FONTE: http://tony15007.wordpress.com/2009/...conrad-murray/
__________________
MICHAEL VIVE EM NOSSOS CORAÇÕES!!
avatar
nazavip
ABC
ABC

Feminino Número de Mensagens : 11
Mensagem Do Perfil : MICHAEL VIVE EM NOSSOS CORAÇÕES
Data de inscrição : 10/03/2010

Ver perfil do usuário http://www.justicaparamichael.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum