Fórum unbreakable
Olá visitante!!!

Para ter acesso a tradução do Livro Conspiração Michael Jackson da Afrodite Jones, você precisa ser cadastrado no site. Desculpe-nos o inconveniente. Não esqueça de comentar agradecendo a gentileza do administrador.

Não esquecer de ativar a conta no seu E-mail.

Agradecemos o seu interesse e seja bem vindo(a) ao Unbreakable.

Atenciosamente a Administração.

Dangerous (Informações e Curiosidades)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Dangerous (Informações e Curiosidades)

Mensagem por Unbreakable em Seg Jan 09, 2012 6:03 pm

Sei que a maioria já deve ter salvo na MJbeats quando o Zim posto lá, mas não custa nada espalha na net o tópico do cara já que é legado do Michael e precisa ser passado para as próximas gerações.

DANGEROUS

Dangerous marca o inicio daquilo que era considerado como ''os novos tempos'' de Michael já que sua parceria vitoriosa de 12 anos com o produtor Quincy Jones tinha chegado ao fim; Jackson estava decidido que poderia fazer muito da produção por ele mesmo, foram chamados então para a co-produção Bill Bottrell, Bernard Belle e Bruce Swedien, que já tinha trabalhado nos álbuns anteriores. Dangerous reúne 14 canções e gerou nove compactos, incluindo três números um: Black Or White, Remember The Time e In The Closet.

Selo: Epic Records / Sony Music
Lançamento: 26 Novembro, 1991
Produção: Michael Jackson / Teddy Riley / Bill Bottrel / Bruce Swedien
Vendas Mundiais: 35 milhões



1. Jam
2. Why You Wanna Trip on Me
3. In the Closet
4. She Drives Me Wild
5. Remember the Time
6. Can't Let Her Get Away
7. Heal the World
8. Black or White
9. Who Is It
10. Give In to Me
11. Will You Be There
12. Keep the Faith
13. Gone Too Soon
14. Dangerous

Michael Jackson não só marcou os anos 90 pelas musicas, como também pelos clipes cada vez mais caros e cheio de inovações; seguiram-se os lançamentos de diversos singles e seus respectivos video-clipes: Remember The Time, Jam, In The Closet, Who Is It, Heal The World, Give To Me Will You Be There, e Gone Too Soon. O álbum Dangerous vendeu as 35 milhões de cópias até 2010, tornando-se então o segundo álbum mais vendido da carreira de Jackson figurando como o álbum de um artista masculino mais vendido da década de 90.

BLACK OR WHITE

No dia 14 de Novembro de 1991 todos os fãs aguardam ansiosos pela a volta de Michael Jackson anunciada pela MTV. E concretizada pelo video clipe Black Or White, de 11 minutos de duração, trasmitido para todo o mundo simultaneamente. O mundo assistia pasmado ao video-clipe Black Or White. O show de efeitos especiais e a musica contagiante leva o single dessa canção para a #1, e lá permanece por 7 semanas. Dangerous chega às lojas com 4 milhões de cópias já vendidas, e reúne 14 faixas com produção de Teddy Riley considerado um dos criadores de um novo tipo de som chamado: New Jack Swing.
Black Or White foi o primeiro single de Michael Jackson lançado em 11 de Outubro de 1991 para divulgação do álbum Dangerous. Tendo sua composição, letras e arranjos feitos pelo Rei do Pop e o rap por Bill Bottrell a canção promoveu a união racial negro/branco.
Seu riff é um dos mais conhecidos no mundo todo. A canção ficou em primeiro lugar em mais de 18 países, e se tornou o segundo maior sucesso do cantor, atrás somente de Billie Jean. Seu single vendeu cerca de 4 milhões de cópias e é considerado o mais vendido da década de 90.



Lançamento: 11 de Outubro, 1991
Vendas Mundiais do Single: 4 milhões
Vendas Digitais: 650.000
Letras, Composição e Arranjo: Michael Jackson
Produção: Michael Jackson e Bill Bottrell
Teclados: Brad Buxer, John Barnes e Jason Martz
Baixo: Terry Jackson
Bateria: Bryan Loren
Rap (Performance): L.T.B
Guitarra: Bill Bottrell



Os primeiros minutos do vídeo apresenta uma versão estendida da música que introduz Black or White onde um jovem garoto, interpretado pelo então astro-mirin Macaulay Culkin, ouvia a música em alto volume, até ser reclamado por seu pai furioso (George Wendt), que exige que ele desligue o som. O garoto resolve passar por cima das ordens do pai e de luvas, óculos escuros e guitarra na mão, toca poucos acordes com o instrumento, que levado em alta potência, fazem os vitros da casa se quebrarem e manda seu pai para a África.



Lá ele encontra Michael, que começa a cantar a música, passando por vários lugares no mundo. No final do vídeo passam várias pessoas de várias raças se transformando uma na outra através do efeito morfo, inédito na época. Terminada a canção, uma pantera, e sai dos estúdios. Depois disso a pantera se transforma em Michael Jackson. Segue uma sequência passada em um beco escuro de Nova York, onde Michael realiza alguns passos complexos de dança e destrói mensagens racistas pichadas num carro e nas ruas. Por fim, ele vira novamente uma pantera e foge. No final mostra os Simpsons assistindo o clipe.

Esse é um item raro: para a exibição do video-clipe no Reino Unido a Sony Music distribuiu um kit promocional do VHS que trouxe o do clipe Black Or White. A ''fita'' do video da canção hit é tão raro que mesmo passados 18 anos ainda é disputado por fãs colecionadores:



Originalmente com 10 minutos o video Black Or White foi estreado simultaneamente canais MTV, VH1, FOX em Dolby Surround, tornando-se uma das estréias mais assistidas de todos os tempos 500 milhões de pessoas. O clip é tecnicamente relevante por mostrar uma das primeiras metamorfoses geradas em computador; foram gastos 2 milhões de dólares e seis semanas para a sua produção.



O videoclipe foi exibido simultaneamente em todo o mundo e no Brasil pelo programa semanal Fantástico, da Rede Globo. Assim que o vídeo acabou, a reação foi a mesma em todos os cantos do mundo. Todos ficaram chocados com os quatro minutos finais do vídeo. Na sequência, Michael dançava até que em determinado momento ele quebra uma garrafa de vidro e em seguida estraçalha um carro parado na rua usando apenas um pé-de-cabra. Depois, ainda quebra algumas janelas e em um acesso de fúria rasga a própria roupa.
O trecho foi considerado bastante violento e a polêmica novamente armada pela mídia fez Michael ir a público para pedir perdão pelo vídeo. Michael resolveu cortar os quatro minutos finais e, portanto a versão oficial do vídeo é a versão reduzida. Em seu comunicado oficial ele afirmou:

"Entristece-me pensar que Black Or White poderia influenciar qualquer criança ou adulto a ter um comportamento destrutivo. Eu sempre tentei ser um bom exemplo e, portanto, fiz estas mudanças para evitar qualquer possibilidade de, inadvertidamente, afetar o comportamento de qualquer indivíduo."

Mesmo assim a versão sem cortes ainda foi exibida pela MTV americana entre 01:00 e 04:00 horas, entretanto, Michael determinou que a exibição fosse suspendida. Com o ''polêmico video'' MJ foi capa da revista Entertainment



Black or White surgiu como uma espécie de resposta. A cada dia, a cor da pele de Michael era cada vez mais questionada pela imprensa do mundo todo, fato que iniciou-se desde a era Bad. Mas dessa vez, Michael estava cada vez mais branco. Boatos de que ele teria mudado a cor de sua pele propositalmente por meio de um tratamento intensivo com Hidroquinona varreram o mundo. Essa era a primeira "excentricidade" de Michael Jackson, assim noticiava os jornais. Entretanto, o que nínguem sábia, era que na verdade, o astro sofria de Vitiligo.



Mas por incrível que pareça, ainda tem muita gente que realmente crê que Michael mudou a cor de sua pele propositalmente. E Black or White é uma resposta a essas pessoas. Cansado das polêmicas em torno disso, ele escreveu a música pretendendo acabar com o racismo de vez e criar uma unidade interracial. Black or White figura entre uma das canções mais polêmicas de Michael, primeiro devido a sua letra que soa como um desabafo e depois pelo seu videoclipe controverso. Polêmicas a parte, a música foi um sucesso nos quatro cantos do mundo.

Foram 4 milhões de cópias vendidas somente com o single Black Or White, a Sony Music queria tirar mais proveito da canção que colocou novamente Michael Jackson no top #1 das paradas de sucesso. A cartada final veio com uma nova edição da musica Black Or White lançada somente na Europa em Janeiro de 1992 o cd promocional da versão mix do hit Black Or White: Black or White The Clivillés & Cole Remixes - ou mais conhecido como Black Or White Remixes; alcançou a #14 posição no ranking do Reino Unido.



Com a produção de David Clivillés e Robert Cole o mix na Irlanda chegou na #11 posição; a canção tornou-se um dos hits dance preferido dos Europeus marcando o agito das noites. Previamente seu sucesso atingiu também a Ásia e Oceania. (a imagem mostra diferentes capas do single Black or White The Clivillés & Cole Remixes

O single Black Or White conquistou a primeira posição em 18 países, diversas edições mix dessa canção foram produidas como: Clivillés & Cole House/Club Mix, Underground Club Mix, House With Guitar Radio Mix e Tribal Beats. Abaixo a figura mostra detalhes da edição remix de Black Or White lançada na Europa em outubro de 1991 onde alcançou a #14 posição no Reino Unido. Apesar da resposta favorável européia para este remix, Clivillés & Cole House nunca foi incluída em uma compilação, exceto no terceiro disco da versão francesa do álbum Greatest Hits King Of Pop.



Vídeos de propaganda de 30 segundos, dirigidos por David Lynch o mestre que produz curtas e animação, começam a ser exibidos para promover o lançamento do novo álbum do Rei do Pop, Dangerous. O clipe exibe Michael Jackson no deserto dançando ao som do primeiro single do disco: Black Or White.



Michael Jackson foi a celebridade que mais apareceu nas capas de revistas em 1991, tambem pudera, o efeito do sucesso era o disco Dangerous e a musica Black Or White. A revista americana TV Guide trouxe aos seus leitores detalhes do mega-video Black Or White, a Smash Hits e Top 40também trouxeram detalhes do clipe milionário; já a Hitmakers publicou sua edição inteira aMichael Jackson: A Special Tribute to the Genius Michael Jackson.. traz a manchete de sua capa !



Do Brasil á India, Black Or White ainda é a canção que mais sucesso fez do álbum Dangerous, a edição do CD-Single, Black Or White foi lançada em um cover-exclusivo especial no Japão como mostra a primeira imagem - o disco comercializado com uma tiragem limitada trouxe nas suas faixas a versão original da musica e sua instrumental; nos Estados Unidos o mix C&C foi divulgado apenas para as rádios; no país copias limitadas do vinil-promocional foram comercializada:



Em 20 de Novembro a 6 dias do lançamento mundial do álbum Dangerous a Sony Music britânica faz uma festa para a imprensa no Hotel Savoy em Londres a fim de apresentar com exclusividade o novo single de Jackson: Black Or White. 500 jornalistas de toda a Europa receberam um super-convite de luxo como podem perceber a foto abaixo as letras que escrevem no nome Michael Jackson e o nome do single receberam uma atenção especial holográfica:



Outras edições de um dos singles mais vendido da década de 90, Black Or White continuavam a ser lançada nos principais pólos fonográficos daquela época. Negro O Blanco, a versão mexicana da canção hit #1 foi lançada com exclusividade no México. Suas cópias (50.000) atingiram a certificação de disco de ouro. O álbum com as faixas (Radio Edit e Instrumental) vinheram com letras escritas em espanhol:



Astro total da vez na Alemanha é comercializado a revista oficial de Michael Jackson, na capa da edição n°4 de Black Or White Magazine a pose Jackstyle; até nos Emirados Árabes Unidos, Michael é capa pelo seus feitos na revista Gulf Weekly, no Brasil ele e capa da Letras Traduzidas Bizz e aTV Guide, revista norte-americana traz a seus leitores detalhes exclusivos do Making-Off de Black Or White, na publicação eles dizem: Michael Mania



Michael Jackson inicia uma visita de duas semanas à África. Ele visitou a República do Gabão e foi escoltado durante as visitas a Abidjan na Costa do Marfim, Dar-Es-Salaam, na Tanzânia, Nairobi e Egito. Michael foi recebido por 100 mil pessoas ao chegar em Libreville, no Gabão. O presidente Omar Bongo o presenteou com a Medalha de Honra no Hall do Embaixador, no Palácio Presidencial.



No vilarejo Krindjabo, na Costa do Marfim (oeste da África), povoado pela tribo Agni, Michael foi coroado "Rei de Sani" pelo chefe tribal Amon N'Djafolk e na Tanzânia foi lançado um selo especial com a imagem de Michael.



Michael viajou 48 mil quilômetros em 11 dias, mas suas excursões a hospitais, orfanatos,escolas, igrejas e instituições para crianças com deficiência mental receberam pouca cobertura da imprensa. Ao contrário, durante esta sua viagem, Michael tornou-se alvo de críticas. Porém, contrariando os críticos a viagem de Michael a África foi uma vitória na qual ele teve mais espectadores que Nelson Mandela no Gabão e mais do que o papa na Costa do Marfim, os patrocimnadores queriam que ele estendesse sua viagem para atender aos pedidos de visitas a todos os lugares.

REMEMBER THE TIME

Remember The Time o segundo single de Dangerous foi lançado em Março de 1992. A canção que usa a sonoridade de um novo estilo musical New Jack Swing criado por Teddy Riley, utiliza batidas que causa impacto e deixam os instrumentos mais break dando um aspecto bem urbano e ganhando pelas dosagens R&B. Remember The Time ficou na #3 posição no Hot 100, e em #1 das canções mais ouvidas das rádios da América; mundialmente esse single vendeu cerca de três milhões de cópias; um sucesso:



Lançamento: 03 de Março, 1992
Vendas Mundiais do Single: 3 milhões
Vendas Digitais: 277.000
Letras e Composição: Teddy Riley, Michael Jackson e B. Belle
Produção: Teddy Riley e Michael Jackson
Teclados: Teddy Riley
Bateria: Teddy Riley
Baixo: B. Belle
Guitarra: B. Belle



Michael Jackson está no Egito antigo a ação é inovadora e inclui além de efeitos especiais e presença de celebridades como Eddie Murphy e Magic Johnson, uma complexa sequência de dança, que acabaou se tornando a base de todos os outros vídeos de Dangerous. Pela primeira vez em toda sua carreira, Michael Jackson deu um beijo na boca em ''público''.
Na tela, o diretor responsável foi John Singleton famoso em dirigir a sequência do filme Velozes e Furiosos. Para a produção do vídeo clipe Remember the time foram gastos 1.2 milhões de dólares, tornando-se o 15° video-clipe mais caro de toda a historia.



Talentoso, criativo, dançarino, excêntrico, ousado e... tímido ?. Sim apesar de toda a energia no palco Michael Jackson era muito tímido. Pessoas próximas ao astro afirmavam que havia um vulnerável lado dele que fazia você querer tomar conta dele e protegê-lo. No vídeo de Remember The Time um curta-metragem de 9 minutos exibido simultaneamente na Fox, BET e MTV mostra o primeiro beijo cinematográficodo Rei do Pop. Imaginem com ele teria ficado tímido depois da cena:



Lançada em Março do ano de 1992, Remember The Time chegou a #1 posição no ranking das musicas mais tocadas nos Estados Unidos (US Billboard Hot 100 Airplay). Nesse clipe Michael faz questão de dizer que tem orgulho de sua raça, elegeu dois negros como rei e rainha de um império egípcio:



O single da musica Remember The Time foi comercializado em vários formatos. Mesmo Michael Jackson não gostando muito de ''remixes'' a gravadora lançou diversas edições da canção que traziam entre os DJ’s mais badalados daquela época. Destaques para o mix: Silky Soul, New Jack Radio Mix, Main Mix e E-Smoove's Late Nite Mix: - Abaixo o single lançado exclusivamente no Japão:



Versões K-7 do segundo single que divulgou o álbum Dangerous no mundo Remember The Timefoi comercializado na Europa e Ásia. Uma das novidades desse single foi à inclusão da musica exclusiva, mas não inédita: Come Togheter. Come Togheter canção original dos Beatles chegou ao topo da paradas pop dos Estados Unidos em 1969. Uma outra edição K-7 foi comercializada na Espanha: Recuerda Aquel Tiempo.



Remember The Time é um clipe impar na carreira do astro-pop. O talento de alguns fãs desenhistas retratam a cena do vídeo de Remember The Time. A rainha entediada busca por entretenimento, surge Michael Jackson e abala seu coração o rei por sua vez fica furioso e corre atrás do rei do pop:



Depois do hit mundial Black Or White, Remember The Time chegou com tudo. A revista alemã, trouxe Jackson como destaque: O super-video de Jackson. Outras publicações deram destaque ao artista como o ''Grande Retorno'' depois de anos recluso, como a revista da Espanha: El Gran Musical e Wom Journal. Na Alemenha uma série de revistas especiais sobre Jackson também foram comercializadas, destaque para a edição Black Or White:



Sucesso mundial Remember The Time chegou na #1 posição em mais de 10 paises e seu single vendeu cerca de 3 milhões de cópias (certificado pela Sony Music no ano de 1995). No Japão essa musica alcançou a #5 das mais tocadas e seu single foi comercializado num formato exclusivo no país: mini-cds. Uma outra edição do single foi lançada para um mercado que na época era crescente, os ''remixes'', o selo Epic publicou cerca de 1.000 cópias promocionais do LP Remember The Time: Ultimix 1991 Promo Remix.



Remember The Time – Maxi-Single, lançado somente na Europa foi uma edição limitada da canção hit que ficou em #1 em diversos países. distribuído pela Sony Music o disco raro é um item de colecionador que trazia 9 faixas, todas (mix): Remember The Time, 12" Main Mix, New Jack Mix, New Jack Main Mix, Silky Soul 7" Mix , Silky Soul 12" Mix, Silky Soul Dub, E-Smoove's Late Nite Mix e Come Together.



No formato K-7 (cassete) milhares de cópias foram vendidas do álbum Dangerous a sua maioria teve comercialização em países asiáticos e parte da América Latina. O folder do disco não deixou nada a desejar mesmo se tratando de um K-7, apesar de ser um álbum com mais de 70 minutos a edição K-7 foi lançada em um formato chamado Extra Length (Tamanho Extra).



O Disco de vinil ou simplesmente Vinil ou ainda Long Play (abreviatura LP ou coloquialmente bolachão tinha a capacidade normal de cerca de 20 minutos por lado; o álbum Dangeous tem 77 minutos de duração e a Sony Music distribuiu em cópias limitadas dezenas LP Dangeous com 2 LP’s



Michael faz uma coletiva com a imprensa no Radio City Music Hall para anunciar os planos de sua próxima turnê mundial, que vai ser beneficente para a sua recém-fundada Heal the World Foundation. No dia 3 de fevereiro de 1992, Michael anunciou que queria voltar aos palcos; e queria que fosse o maior show da Terra. Foram chamados para o time de Michael nomes como Kenny Ortega para ajuda-lo nas coreografia Siedah Garret e o mágico David Copperfield no ilusionismo.



Jet Magazine traz Michael, Eddie e Iman na capa e a manchete: ''Michael Jackson’s new video Remember The Time when blacks were kings and queens'', se traduzido é como fosse: ''Novo video de Michael Jackson: o tempo em que negros eram os reis e rainhas''. Outras edições de revistas publicadas no momento do lançamento de RTT: Fama, revista brasileiríssima: Michael Jackson: A Pantera Mostra As Garras, o hit Black Or White era o destaque. Music Man (Áustria) eVerônica (Holanda) também publicam matérias especiais sobre o Rei do Pop e seu vídeo clipe.



Pelas fantásticas vendas mundiais, uma edição especial e limitada o disco Dangerous para colecionadores foi lançada em junho de 1992 pela Sony Music/Epic Records. Dangerous – 3D assim como chamado popularmente ou (Deluxe Edition) teve tiragem inicial e única de 1.000 cópias; a arte na capa do álbum está em relevo e traz novas imagens feita pelo pintor pop-surrealista Mark Ryden: - no Brasil a edição especial chega a ter um valor inicia de R$500 reais:



Quando o álbum Dangerous foi lançado na década de 90 os computadores estavam em expansão, aproveitando essa onda, foi lançado o Interactive Music Pack que nada mais era um disquete com apenas 5 canções. Acompanhado com um livro que traziam fotos e letras das musicas Rock With You, I Want You Back, ll’Be There, Billie Jean, e Thriller, o som tinha a qualidade MIDI:



A popularidade dos seus vídeos musicais foram o propulsor para o sucesso da MTV (Music Television). Em 1991 a emissora fez 10 anos e para comemorar chamou Michael Jackson para dar uma palinha, o Rei do Pop canta 2 canções de seu recente álbum Dangerous, Slash o guitarrista do Guns N' Roses, aparece tocando o hit #1 Black or White. Michael também faz uma performance de Will You Be There. As filmagens acontecem no Aeroporto de Santa Monica, em Los Angeles.



Michael Jackson e Teddy Riley lançaram um novo gênero musical, s esse novo gênero eles deram o nome de new jack swing que mesclava os ritmos, samples e técnicas de produção do hip hop com o som urban contemporary do R&B. New Jack Swing usa solos harmoniosamente tocantes, ou vocais em harmonia, cantados sobre ritmos e batidas. Abaixo versão especial do single de Remember The Time lançado na Holanda. Esse vinil trouxe a compilação dos remixes produzido por Teddy Riley chamado ''New Jack Mixes''.



IN THE CLOSET

Depois de Black or White e Remember The Time, In The Closet foi lançado mundialmente dando sequência a multimilionária campanha promocional de Dangerous em maio de 1992. In The Closet fez grande sucesso nos Estados Unidos, chegando ao #6 e ficando 4 semanas no Top 10 - foram 20 semanas no Top 100 – 300.000 cópias de seu single vendidas por lá sendo o terceiro single #1consecutivo no R&B chart e ganhou certificação de ouro. No Reino Unido a faixa chegou ao #8 e ficou durante apenas 6 semanas no Top 75. A performance mundial foi moderada - chegando ao Top 15 na maioria dos países, na Austrália, In The Closet ficou na #6 posição e o seu disco quando certificado ganhou status de ouro pelas mais de 35.000 cópias vendidas.



Lançamento: 08 de Maio, 1992
Vendas Mundiais do Single: 1.5 milhões
Vendas Digitais: 90.000
Letras, Composição e Arranjo: Michael Jackson e Teddy Riley
Produção: Michael Jackson e Teddy Riley
Teclados: Teddy Riley
Baixo: Teddy Riley
Bateria: Teddy Riley
Dueto: Michael Jackson e Mystery Girl (Princesa Stéphanie de Mônaco)
Vocal (Arranjos): Michael Jackson



Para In The Closet Michael chamou Herb Ritts que tinha ganhado dois MTV Video Awards por seu trabalho em vídeos musicais de Janet Jackson. Disposto a deixar mais ''hot'' o vídeo de In The Closet Herb chamou a supermodelo Naomi Campbell, a química MJ e Naomi foi perfeita que a timidez do astro-pop foi ignorada; In The Closet foi o tapa na boca para silenciar os críticos que questionaram sua sexualidade. Assim como diz nos primeiros versos: (Ela é uma amante / Que me excita / Vale a pena me entregar? / Vale a pena tentar?)



O estilo, som musical da época passou por diferentes fases, do Disco ao Rock, a tendência na década de 90 era os chamados remixes e Michael acompanhou de perto essa mudança. Para o single In The Closet ele mesmo escolheu o DJ para mixar a canção e incluir no maxi-single do disco; Frankie Knuckles o DJ mais badalado da época se encarregou na produção do novo som de In The Closet. O sucesso da faixa In The Closet - The Promisse foi tão grande que a Sony Music publicou 3 versões single do disco Behind Out The Door Mixes:



Michael é capa de revista na época em que a musica e o vídeo In The Closet era divulgado em todo o mundo. A Class Magazine uma publicação norte-americana mostrou a ''pegada'' de Michael, enquanto a Smash Hits trouxe ao seus leitores detalhes do vídeo mais hot do Rei do Pop. Outras capa de revista em que Michael apareceu ao lado da supermodel Naomi Campbell foram Rtr Countdown com um titulo nada mais que sugestivo: Let’s Talk About Sex / Estão Falando Sobre de Sexo; e a Top Secrets que truxe um pôster de Michael:



In the Closet (em português "Em Segredo") é um termo americano que significa que parte da vida da pessoa não é exposta, seja por ser desconhecido ou simplesmente por vergonha da mesma, como se fosse a porta de um armário, que por alguma razão, não pode ser aberta.
É um termo confuso, porém bastante popular na cultura americana. Quando Michael Jackson e Teddy Riley sentaram para escrever a canção, eles planejaram fazer algo sobre como manter as relações amorosas em segredo. Entretanto, quando a música foi lançada, o público reagiu diferente a mesma. Muitos acharam que Michael era homosexual, pois além da letra da canção, o cantor jamais fora de exibir sua vida amorosa em publico, salvo as vezes em que aparecia publicamente ao lado de Brooke Shields. Na tentativa de suprimir os boatos foi produzido um videoclip, dirigido por Herb Ritts, onde Jackson aparece em meio a danças sensuais com a modelo Naomi Campbell:



Na Europa a capa do single In The Closet ganhou uma cor diferente (preto) do que divulgado nos Estados Unidos (laranja) e Japão (azul e vermelho). O single trouxe remixes exclusivos para essa edição européia tais como: In The Closet (Club Mix), ( Underground Mix), (The Promise) e (The Vow). A edição americana e Japonesa do single também foi lançada na Europa porém, com poucas copias distribuídas:



O disco Dangerous rendeu a Michael Jackson diversos prêmios; nosso Rei do Pop um dos maiores e mais influente artista da geração em 5 de fevereiro de 1992 na capital Washington, comparece aoNABOB Lifetime Achievement Award onde recebe o prêmio de artista com maior influência na Black Music na area da comunicação. Na ocasião o Rei do Pop recebe a homenagem das mãos de filha do Reverendo Jesse Jackson como podem ver na foto:



Michael Jackson e Naomi Campbell participam de um evento da MTV: a fotografia foi tirada durante um encontro de Michael e os ganhadores de da promoção do canal de musica, no dia 29 de março de 1992 em Palm Springs: - na ocasião para os fãs reunidos foi exibido o clipe In The Closet:



Abaixo a primeira imagem mostra o vídeo (VHS) promocional do clipe de In The Closet distribuído para imprensa mundial, tais canais MTV, FOX e BET que transmitiram o vídeo hot de Michael e Naomi Campbell. Logo a imagem seguinte exibe o single de In The Closet comercializado no formato (mini-disco) exclusivo no Japão:



Na Alemanha o single In The Closet comercializado no formato cassette trouxe 4 perguntas para serem respondidas pelos fãs, a melhor resposta ganharia o ingresso para assistir a turnê Dangerous em Londres. As perguntas variavam: Qual a criança famosa que aparece no vídeo Black Or White ? / Qual a canção escrita por Lennon e McCartney que Michael canta? / Nome de dois discos de Michael Jackson; e a ultima questão, perguntava porque o fã quer conhecer Michael Jackson.



Um álbum promocional exclusivo foi lançado pela Sony Music e o selo Epic no Brasil em 1992. The Medleys foi comercializado em copias limitadas em nosso pais nas versões CD e vinil. O disco trouxe 2 medleys o primeiro deles chamado, Back To The Past com canções clássicas de Michael como, Rock With You Billie Jean, Off The Wall, Thiller, Shake Your Body e entre outros; o segundo mix de musica foi o Medley chamado: The Dangerous New Jack Medley que trouxe o melhor dos hit do disco Dangerous. Canções como Remember The Time, Jam, Black Or White ' foram editados pelo DJ brasileiro Naldo:



Hoje, com o surgimento de emails está cada vez mais raro serem produzidos selos postais porém em países baixos como a África ainda são produzidos. Nesse caso, a canção In The Closet sucesso em todo o mundo teve uma homenagem mais que merecida na África.



Nos meses que seguiram o lançamento de Dangerous com uma campanha publicitária mundial a JR Puzzles empresa na época que era líder no seguimento de quebra-cabeças na Europa, lançou o inspirado na arte da capa do álbum. O quebra-cabeça de Dangerous foi comercializado somente no Reino Unido e outras edições com o nome do Rei do pop foram lançadas como o de Bad e Thriller



Dangerous tem uma das mais belas capas produzidas da história da musica, sua arte enigmática aguça a curiosidade de todos. Um dos itens que podem ser classificados como mega-raro está o vinyl-picture de Dangerous lançado em 1993 somente nos Estados Unidos. Pouca cópias foram distribuídas (estima-se que apenas 200):



Capa de Revista na França Michael Jackson coloca a canção In The Closet em #1 no ranking das mais ouvidas no país. Uma outra revista francesa chamada Posters Geant diz na manchete: Enfim, o tão aguardado disco de Michael Jackson, Dangerous chega as prateleiras para delírio dos fãs. Smash Hits da Austrália traz aos seus leitores Michael na capa voltando com algo Perigoso e na seguinte manchete tabloidesca diz: Just now mad is he ? / agora ele é louco ?. Michael um artista internacional é tambem capa até em Israel: Maariv La'onar



Dangerous tornou-se o disco com vendas mais rápidas da carreira de Michael Jackson superando até mesmo Thriller e Bad. Primeiro disco de Michael a colocar 8 canções no Top 20 no Reino Unido e segundo disco mais vendido de sua carreira, esse disco marcou status de Rei do Pop.
Fonte de influencia e reconhecimento do seu sucesso em um bar em Zaragoza o dono fez uma verdadeira homenagem a Dangerous. Totalmente inspirado na capa do álbum Dangerous de Michael Jackson, além do mais existem fotos de Michael Jackson na era Dangerous MTV e no MSG.



Michael Jackson foi um verdadeiro humanista, um exemplo para todos nós. Ele dedicou muito tempo e dinheiro para uma ampla gama de instituições de caridade. Seu amor pelas crianças o levava muito tempo fora, quando estava excursionando secretamente visitando crianças doentes. No dia 1 de Maio de 1992 o Bush entrega o prêmio Point of Light Ambassador á Michael Jackson por seus esforços em ajudar as crianças desfavorecidas:



Madonna foi ao Oscar em 1991 com Michael Jackson, seus respectivos assessores fecharam o acordo e eles foram, daí surgiu uma possível amizade. Em uma entrevista para o jornalista britânico Jonathan Ross, Madonna disse que trabalhou em algumas idéias para a letra de In The Closet. Essa canção foi inicialmente proposta para ser um dueto entre Madonna e Michael Jackson. Madonna afirmou que ainda chegou a contribuir com algumas idéias para a música. Entretanto, quando ela foi apresentar o que tinha escrito a Michael ele achou muito provocador e então ela decidiu sair do projeto.



Boatos na época diziam que Madonna queria também uma participação no clipe de In The Closet. A sua idéia era que ela e Michael dançassem juntos, mas ele fazendo o papel de mulher e ela de homem. Michael recusou e o clipe acabou sendo filmado de ''forma convencional'' com Naomi Campbel.

O casal mais improvável do mundo pop foi centro da atenção no Oscar de 1991. A revista americana People disse que Michael e Madonna era mais estranho casal'', a primeira edição da revista vendeu tanto que os editores da People Magazine re-lançaram novamente a revista. Do outro lado do continente, no Reino Unido a revista Fast Forward trouxe ao seus leitores uma reportagem exclusiva de uma fã que conhece pessoalmente seu ídolo; e uma edição especial publicada pela BMI celebra a genialidade de Michael em uma revista especial em que o Rei do Pop recebe o primeiro prêmio BMI de musica popular norte americana.



A editora DoubleeDay publica o livro de Michael Jackson, Dancing The Dream com poemas e textos escrito pelo próprio. Dedicado à sua mãe, Katherine Jackson o livro é uma expressão do amor, da alma e da paixão de Michael através da música e dança. Com fotos exclusivas Dacing The Dream foi um sucesso sem precedentes vendendo na primeira semana cerca de 90 mil cópias nos Estados Unidos:



... “Então o que uma estrela faz quando pára de brilhar? “ Eu me pergunto. “Talvez morra”. “Oh, não,” uma voz em minha mente diz: “Uma estrela nunca morre. Apenas vira um sorriso e volta a música cósmica, a dança da vida”. Gostei deste pensamento, o último que tive antes de meus olhos fecharem. Com um sorriso, eu volto a música em mim. – Michael Jackson – Dancing The Dream.



No dia 23 de Junho de 1993 Michael chegou no seu avião particular cheio de estilo na Conferencia da Pepsi realizada no aeroporto de Heathrow em Londres, Reino Unido. Consolidando uma parceria que durou cerca de 10 anos e vários milhões de dólares, Michael Jackson novamente teria o apoio comercial da Pepsi-Co para divulgação mundial de sua turnê Dangerous. Michael deu uma na conferência de imprensa Michael Jackson falou de sua nova fundação: Heal The World



A segunda turnê solo de Jackson, antecedida por Bad World Tour (1987-1989) começa no dia 27 de Junho de 1992 com um super show de abertura em Munique, na Alemanha no Estádio Olímpico para um total de 72 mil fãs. Os maiores sucessos de seus álbuns anteriores são apresentados - Como os mega-hits Billie Jean, Beat It, Thriller, Smooth Criminal, Human Nature e Man in the Mirror – e canções inéditas - Jam, Will You Be There, Heal The World e Black or White. A Dangerous World Tour também incorporou várias ilusões de palco, cada concerto começava com um golpe de ilusão que eletrizava o público.



Para se montar o palco usado para a Dangerous Tour necessário mais tempo do que o da Bad Tour. Equipamentos, que no total pesava mais de 100 toneladas, necessitou de duas aeronaves Boeing 747 (o maior avião do mundo, na época) e camiões múltiplos para o transporte de cada local.



Depois do primeiro show da Dangerous Tour na Alemanha Michael Jackson agora está na cidade de Rotterdã para a realização de dois concertos para um total de 92.000 fãs. Visitando a cidade Michael doa cerca de 100 mil dólares ao hospital Sophia's Children:



(*foto: Michael Jackson e as crianças do Hospital em Rotterdan; o Rei do Pop e da caridade doa dinheiro para o hospital que ajuda crianças de toda a Holanda).

JAM

Uma mistura de funk com batidas agressivas com o rap de Heavy D (do grupo de Heavy D & the Boyz), Jam foi o quarto single do álbum Dangerous e chegou na #26 posição no Chart 100 da Billborad nos Estados Unidos e #3 no U.S. Billboard Hot R&B/Hip-Hop Singles & Tracks. O single dessa faixa lançado em diversos formatos e com vários (remixes) produzidos mundialmente vendeu cerca de 1.2 milhões de cópias. Jam ficou mais conhecida pelo seu vídeo com a reunião de dois MJ's (Michael Jackson e o jogador de basquete Michael Jordan).



Lançamento: 13 de Julho, 1992 (EUA) / 27 de Setembro, 1992 (Europa)
Vendas Mundiais do Single: 1.2 milhões
Vendas Digitais: 72.000
Letras e Composição: Michael Jackson
Produção: Michael Jackson, Teddy Riley e Bruce Swedien
Instrumentação: Andre Harris
Teclados : Rene Moore, Teddy Riley, Bruce Swedien e Brad Buxer.
Rap: Heavy D
Guitarra: Teddy Riley
Gravado e Mixado: Bruce Swedien, Teddy Riley e Dave Way.



Dirigido por Herb Hitts, o cenário do clipe de Jam ocorre em edifícios abandonados e dentro de uma quadra de basquete onde Michael Jackson ensina a lenda do basquete da NBA Michael Jordan com sua dança, e, em contrapartida, Jordan ensina Michael como jogar basquete. A versão estendida do vídeo inclui Michael Jackson ensinando Jordan como fazer seu passo moonwalk. Jam a musica number #3 classificada na maioria dos países quando divulgada foi lançada ás vesperas da turnê mundial que divulgou o álbum:



Jam foi uma das musicas mais escutada nos Estados Unidos em 1992; ela se diferencia pelas batidas alternadas que lembram muito o hip hop, ritmo que ganhou impulso entre o fim da década de 80 e o ínicio da década de 90. A canção foi uma das primeiras músicas de artistas pop que começaram a aderir o rap no meio da melodia. Algo que se tornou frequente nos anos seguintes. A música começa com um som semelhante ao de vidro quebrando, o que tornou-se sua marca registrada. Aos 3:07 da música um Rap performado por Heavy D é intercalado com a música.Jam foi escolhida pesoalmente por Michael Jackson para abrir os shows da mega-turnê Dangerous World Tour.



(*foto: Os gangsta brother's que fizeram o som Hip-Hop-Pop de Jam: Shakim, Heavy D, Michael Jackson, D.O e D-Nice)

O single Jam foi comercializado em diversos formatos, também lançado na versão K-7 (Cassete) no mundo; apenas na América Latina, Europa (laguns países) e Ásia o publico pode comprar a edição limitada do formato mais simples e barato disponível no mercado até então. A tracklist da fita trouxe apenas duas faixas, sendo o single promocional de Dangerous, Jam (7" Edition) e Beat It (terceiro single que divulgou o álbum Thriller de 1983)



Jam, o quarto single mundial que veio divulgar o disco Dangerous lançado em diversos formatos assim como quase todos outros singles de Michael Jackson. A edição vinil-remix desse hit foi apresentado ao publico Europeu em uma nova capa (azul) e na tracklist dessa versão especial Jam trouxe 7 novos (mixes) produzidos por DJ's selecionados pela MJJ Productions: Maurice Joshua; Steve "Silk" Hurley; Pharris Thomas; Roger S e Larry Sturm. As principais faixas desse single são: Jam (Atlanta Techno Mix); Jam (Maurice's Jammin' Dub Mix); Jam (Roger's Club Dub); Jam (Atlanta Techno Dub); Jam (Silky Dub) e Jam (The Acapella Mix). Os mixes, não necessariamente foram divulgadas nas rádios européias:



Desde o primeiro som de um vidro quebrado percebemos que isso vai ser diferente dos álbuns anteriores de Michael. A letra dessa canção nos desafia uma forma ou de outra - "nós sabemos o certo do errado? Michael diz em Jam. Especialmente nos coros, Michael sugere que, embora as coisas mudaram desde Bad, "Não é demais para mim" ( "não é muito para mim")... Abaixo a foto da capa e contra capa do vinil de Jam



A revista Argentina Astro Fans estampa na capa um Michael Jackson cheio de style: Michael Jackson - una vida en blanco y negro. Com o mesmo charme MJ também foi capa de outras edições na época do lançamento do single Jam; na Inglaterra nosso Rei é alvo de uma reportagem sensacionalista (Mixmag) já a conceituada revista alemã Bravo traz a seus leitores uma matéria especial sobre o ídolo pop e sua influencia na musica. A revista HITS, publicada nos Estados Unidos em 1992 elegeu Michael Jackson como a figura + aclamada do ano:



Apesar de ser uma das musicas mais ouvidas nos Estados Unidos no ano de 1992 (atrás de outras,Remember The Time e In The Closet) Jam ficou classificada na #26 posição no U.S. Billboard Hot 100; porém no chart U.S. Billboard Hot R&B/Hip-Hop Singles & Tracks a canção atingiu a #3 posição. Na américa do norte o single ganhou uma nova capa diferente da versão laranja ou azul, a capa trouxe Michael Jackson e Michael Jackson:



Na França Jam alcançou a #8 posição no French Singles Chart e por lá permaneceu 13 semanas; uma edição especial do single foi lançada nesse país. A versão vinil de Jam (Special Frame ) comercializada exclusivamente na França trouxe na sua tracklist os mixes (More Than Enuff Mix, Roger's Club Mix e The Acapella Mix). A novidade para essa edição especial vai para um pôster do nosso Rei do Pop com imagens do clipe Give In To Me e de Billie Jean – LIVE:



A partir da realização dos vídeos Black or White, In The Closet e Jam a MJJ Productions contratou os fotógrafos Sam Emerson e Jonathan Exley para tirarem fotos dos bastidores dos clipes de Jackson; as imagens abaixo mostram o Rei do Pop em cena no clipe de Jam em um momento de ''pause'' no clip de In The Closet. A maior parte deste conjunto de fotos tiradas por Sam Emerson e Exley não foram distribuídas para mídia, e até esta presente dada continua ''inéditas'' no arquivo do Rei do Pop:



Para a campanha publicitária da canção Jam a gravadora de Michael lançou um lote limitado de bolas de basquete referindo ao clipe da musica em que Michael Jordan abrilhanta as imagens com enterradas e depois, Jackson ensina uns passos de dança ao jogador de basquete. O supercampeão pelo Chicago Bulls, Michael Jordan, até presenteou o músico com uma bola autografada e com uma bela dedicatória (fotos).



Ele parecia um super-heroi paralisado diante de toda a audiência em êxtase... era o Rei do Pop o artista mais fenomenal que o mundo já viu e nunca.. Nunca existira outro igual. Durante o primeiro numero do concerto Dangerous a canção Jam Michael deixa avisado que seus fãs presenciará o maior espetáculo da terra assim como havia prometido. A primeira fase da Dangerous World Tournosso ídolo cantou com uma jaqueta brilhante e na segunda parte ele a substituiu por uma preta - escolha a sua preferida:



Pelo seu talento inesgotável na musica e dança em uma homenagem a Michael Jackson uma empresa lançou o busto do Rei do Pop dando ilusão a cena de Jam – (Live). O item ainda é comercializado nos mercado internacionais de venda e troca, não é um produto oficial mais é de um trabalho muito bem feito



Depois de cantar para mais de 40.000 irlandeses e doar cerca de 500.000 dólares para diversas instituições de caridade britânicas, no dia 26 de Julho Michael Jackson visita a EuroDisney em Paris com seu primo Brett Barnes. O cantor fica por horas no parque do ratinho Mickey:





Última edição por Unbreakable em Qua Nov 14, 2012 1:36 am, editado 3 vez(es)
avatar
Unbreakable
Administração
Administração

Número de Mensagens : 499
Data de inscrição : 17/05/2008

Ver perfil do usuário http://unbreakable.ativoforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Dangerous (Informações e Curiosidades)

Mensagem por Unbreakable em Qua Nov 14, 2012 1:20 am

Logo depois da diversão, Michael Jackson voa para a Inglaterra e vai diretamente para o Hospital Infantil da rainha Elizabeth em Londres, onde é recebido por mais de 2.000 fãs. Michael traz com eleMickey e Minnie para alegrar o dia das crianças doentes:



WHO IS IT

Who Is It foi o quinto single para divulgação do álbum Dangerous que mundialmente já chegava a marca das 13 milhões de cópias. Vendeu cerca de 750.000 mundiais com seu single e ocupou as posições #14 no Hot 100; #6 no chart R&B e em #1 no Dance Chart da Billboard. Nos Estados Unidos, o vídeo da música nunca foi ao ar pela MTV e VH-1. Em vez disso, o clipe foi substituído com filmagem montagem de vários vídeos de Jackson, bem como performances ao vivo durante a turnê Bad e Motown 25:



Lançamento: 31 de Agosto, 1992
Vendas Mundiais do Single: 750.000
Vendas Digitais: 38.000
Letras e Composição: Michael Jackson
Produção: Michael Jackson, Teddy Riley e Bruce Swedien
Instrumentação: Andre Harris
Teclados: Rene Moore, Teddy Riley, Bruce Swedien e Brad Buxer.
Guitarra: Teddy Riley
Gravado e Mixado: Bruce Swedien, Teddy Riley e Dave Way.



O vídeo da música Who Is It foi dirigido por David Fincher e está definido em um neo-cromo Blade Runner como a paisagem, onde as superfícies refletem a luz e denotam luxo em todo seu esplendor. Vemos Michael Jackson sofrendo, como um solitário, chegando à conclusão de que sua namorada está traindo. Ele encontra um cartão de platina com o nome 'Alex' aparentemente confirmando que ela está enganando com a pessoa cujo nome está no cartão. Como o vídeo avança, ficamos a saber que a namorada está a trabalhar para um bilionário segredo exclusiva-boys-agência de acompanhantes do clube. Sua identidade e aparência visual é alterado regularmente, geralmente entre os clientes, e é confirmada pelos cartões de platina negócio que apresenta para cada cliente como a noite é longa. Isso revela que o nome 'Alex' no cartão encontrados por Jackson é um de seus pseudônimos e não é um amante secreto.



Ela sente que algo está errado, desafia seus observadores e corre de volta para casa de Jackson para encontrá-lo. Ela encontra-assistente de Jackson na porta, que se recusa a deixá-la em e revela que Jackson saiu e, provavelmente, para o bem. O assistente, em seguida, entrega a ela uma coleção de seus cartões de visita alias, revelando que o segredo está fora e que ela foi exposta. Devastada, ela é forçada a voltar para trás a sua submissão empregados cruel e continuar como uma prostituta de alta classe. O vídeo termina com a ex-namorada sendo preparados para outro cliente, enquanto Jackson tenta dormir em um jato. Durante o vídeo, um cara estranho fantasma aparece no ambiente de Jackson - as aparências parecem coincidir com o desespero de Jackson.

Who Is It foi uma das primeiras canções de Michael feita a partir do chamado (beat-box) ou seja, o Rei do Pop construiu essa faixa com os sons da sua boca. Depois de Who Is It Michael usou em Stranger In Moscow, Tabloid Junkie ambas canções do disco HIStory (1995). Um ano depois do lançamento do single oficial dessa faixa em todo o mundo, depois da primeira entrevista em anos para a apresentadora Oprah Winfrey o single foi re-lançado nos Estados Unidos com uma nova capa e faixas exclusivas:



Who Is It alcançou a #26 posição nos no Top 100 do Japão.para a promoção do single foi lançado no país mini-disco contém além da faixa principal uma outra musica (b-side/lado-b), Rock With You do álbum Off The Wall lançado em 1980



A revista da França Top Secrets publicou uma edição especial com um hiper pôster gigante do Rei do Pop em cena no clipe de Jam. Michael Jackson foi capa também da extinta revista norte-americana The Nose: O Grande Irmão (Big Brother) como refere a manchete. Outras capas de revista publicadas em 1992 foram a Inrock (Japão) e Music News (Alemanha) com sua primeira edição trouxe Michael na capa!:



A Sony Music Entertainment Japan fez uma espécie de "resumo" do remix de Dangerous publicados entre 1991 e 1993, criando apenas para o mercado japonês uma coleção de 10 remixes. Como é típico nos discos de Michael exclusivamente lançado no país o CD trouxe a biografia do Rei do pop, fotografias e discografia inscritos em japonês.



Os remixes são raros, especialmente a versão de Who Is It produzido por Moby, o remix de Jam por Roger Sanchez, a versão [Give In To Me e "A Cappella" de Remember The Time. Outras faixas que compõe o álbum mix: Black Or White (The C & C Casa Club Mix), Remember The Time (New Jack Main Mix), Who Is It (Lakeside Dub), In The Closet (The Undergroud Mix), e Jeep Jam (Roger's Mix).

Lançado apenas para o mercado australiano (oficialmente) Dangerous Collectors Edition é um álbum limitado que trouxe alem das 14 faixas originais remixes dos principais hits desse álbum. O disco duplo trouxe também os mixes inéditos para a versão de Rock With You (Masters At Work Remix) e Don't Stop 'Til You Get Enough (Roger's Remix)



Detalhe exclusivo para a versão Maxi-Single do álbum Who Is It. O álbum trouxe cinco faixas entre elas o que até hoje é considerado pelos fãs como o Melhor mix dessa faixa, chamado Who Is It (IHS Mix) esse remix foi produzido pela lenda da Dance Music o DJ Moby. Who Is It (Maxi Single Version) trouxe tambem as faixas: 7" Edit With Intro, The Most Patient Mix (produzido por Brothers In Rhythm), P-Man Dub e Don't Stop 'Til You Get Enough (Roger's Underground Solution Mix)



Michael Jackson começa a gravar o primeiro comercial como garoto propaganda da empresa de refrigerantes Pespi na década de 90. O comercial chamado Dreams estréia durante a divulgação do single Who Is It, todo o cenário do vídeo é inspirado no álbum Dangerous e o nosso Rei do Pop dança ao som da musica que se tornou hit no Top 3 nos Estados Unidos, Who Is It.



Todos os discos de Michael Jackson deixaram uma marca para a musica no mundo todo. Em Off The Wall Michael foi o primeiro artista a lançar 5 canções de um único álbum, em Thriller bateu recordes de venda, Bad foi o único a ter 5 canções em #1 nos Estados Unidos e Dangerous teve a canção Black Or White como a mais tocada da década. Em homenagem a esse disco parques de diversões passaram a integrar o tema circence a exemplo do brinquedo abaixo:



Em novembro durante a passagem da Dangerous Tour pela Europa a Sony Music lança o Box Tour Souvenir Pack (A Special Limited Edition). Essa caixa com 4 cds trazem nelas os melhores 12 hits de Michael Jackson selecionado por Era, o CD1 de Off The Wall apresentam as canções: Off the Wall, She's Out Of My Life e Don't Stop 'Til You Get Enough enquanto O CD2 de Thriller os 3 hits que fizeram sucesso na década de 80: Billie Jean, Beat It e Thriller.



Completam a tracklist desse box limitado (1.000) os sucessos Bad, Dirty Diana, Smooth Criminal, Dangerous, Black Or White e Remember The Time. Tour Souvenir Pack (A Special Limited Edition) foi vendido dentro dos estádios onde foram realizados os concertos do Rei do Pop somente, é um Box raríssimo atualmente:



Os fãs podem ver em + detalhes novamente da edição especial do disco Dangerous comercializado em cópias limitadas em partes da Europa principalmente no Reino Unido. A special edition de Dangerous chamada 3D Cover trouxe além dos 77 minutos distribuídos em 14 canções o CD (gold-ouro) destaque também além do relevo de figuras do disco:



Quando o disco Dangerous foi certificado pela Sony Music em 1995 ele tinha alcançado a marcadas 28 milhões de cópias mundiais, estima-se que atualmente esse disco tenha chgado a marca das 32 milhões de cópias.
Porém não só CD e Vinis foram vendidos para alcançar essa marca os K-7 (cassette) foram indispensáveis pela gravadora de Michael, fitas do disco Dangerous ganharam edições especiais e comercializadas em todo o mundo principalmente nos países asiáticos. Com um formato especial para capacidade a fita de Dangerous trouxe as canções originais preenchendo 77 minutos de puro som pop:



Rei do Pop e Rei de vendas de 1992, o disco Dangerous foi eleito como o disco de maior vendagem naquele ano em capas de revista talvez Jackson também fosse a celebridade quem mais apareceu. A revista Hitkrant da Holanda trouxe Slash ao lado de Michael enquanto outras edições lançadas como a Free, Sonic Guitarist e Walkman estamparam a performance de Michael Jackson na Dangereous Tour:



Em 1990 Do the Bartman uma canção pop rap do desenhos Os Simpsons foi lançada como um single de sucesso. Escrita por Michael Jackson e Bryan Loren, embora Jackson não tenha recebido nenhum crédito, porque ele estava sob contrato com outra gravadora, o Rei da musica pop sendo um fã do desenho e principalmente de Bart escreveu e compôs a musica Do the Bartman.
Embora a música nunca foi oficialmente lançada como single nos Estados Unidos, ela foi muito bem sucedida internacionalmente, alcançando o topo das paradas na Austrália, Irlanda, Nova Zelândia, Noruega e Reino Unido (conquistando a certificação ouro). Ele também alcançou o top ten na Suécia e na Holanda. – Abaixo o single divulgado respectivamente no Reino Unido e Europa:



Transmitido pelo canal ABC a mini-serie The Jacksons – An American Dream conquista uma audiencia recorde para o canal quando cerca de 22 milhões de telespectadores assistem a trajetória dos irmãos Jackson rumo ao estrelato; Michael Jackson não participa da produção de The Jacksons – An American devido a problemas contratuais e sua ex-gravadora (Motown Records) lança o álbum com a trilha sonora da série, sem muito sucesso atinge a #137 posição dos mais vendidos na América. A gravadora publica para divulgação do álbum a versão LIVE da musica Who’s Loving You:



Sarajevo é a capital e a maior cidade da Bósnia e Herzegovina e em 6 de Abril de 1992 a cidade foi cercada pelos sérvios bósnios. A guerrilha durou até 1995, causando grande destruição na cidade. Dono de todos os recordes e um exemplo de pessoa mais uma vez o nosso Rei fez a diferença. No dia 24 de novembro de 1992 no aeroporto John F. Kennedy, Michael anuncia o envio de 2 milhões de dólares em suprimentos para Sarajevo



HEAL THE WORLD

Em um bate-papo da Internet com os fãs, Jackson disse que Heal the World é a canção que ele mais se orgulha de ter criado, na faixa, o astro faz um apelo por um mundo melhor. Lançado em novembro de 1993 o sexto compacto promocional que divulgou o disco Dangerous em todo o mundo alcançou a #1 posição nos Charts Europeus vendendo mundialmente mais de 2 milhões de cópias de seu single, nos Estados Unidos a canção chegou apenas a #27 posição.
Antes de entrar na melodia, há uma introdução composta e condusida pelo maestro Marty Paich, em que uma criança pede: "pense nas futuras gerações e diga que você quer fazer um lugar melhor para uma criança. Assim elas saberão que terão um mundo novo para viver''



Lançamento: 23 de Novembro, 1992
Vendas Mundiais do Single: 2.5 milhões
Vendas Digitais : 430.000
Letras e Composição: Michael Jackson
Produção: Michael Jackson e David Foster
Orquestra: Marty Paich
Percussão: Bryan Loren
Teclados: David Paich e Brad Buxer
Bateria: Jeff Porcaro



A mensagem do vídeo de Heal The World é sensibilizar as pessoas para que cada um faça a sua parte para um mundo melhor sem violência. Dirigido por Joe Ptyka o mesmo quem fez os clipes musicais The Way You Make Me Feel e Dirty Diana, em Heal The World um video que não conta com a presença de Michael Joe mostra imagens de crianças pedindo para que os governates não promova a guerra, mas que vejam o coração das pessoas que são de paz e amor.



A sexta canção que divulgou o disco Dangerous no Japão foi lançada oficialmente no dia 21 de novembro do ano de 1992, dois dias antes do lançamento mundial. Nesse país a gravadora de Michael distribuiu um disco promocional deHeal the World com quatro faixas que seriam divulgada nas rádios: Heal the World (7" edit), Heal the World (Album Version), She Drives Me Wild e Man in the Mirror.



Bravo, o rei do Pop é capa pela 7 vez da revista alemã Bravo, detaque para a foto em que Michael dança ao som de Jam, a revista americana Rocky Express uma publicação da Croácia publica os recordes alcançados por Michael Jackson na Era Dangerous. Outras capas de revistas lançadas no período Novembro/Dezembro foram a Pop Rocky(Alemanha) e a brasileiríssima Meu Ídolo que trouxe uma penca de pôsteres do Rei do Pop.



A campanha de marketing que divulgou o single Heal The World no mundo foi suficiente para que a canção alcançasse o Top #3 em vários países, somente no Reino Unido e Espanha Heal the World conseguiu chegar ao posto maximo #1. França, Alemnha, Noruega, Austrália, Suécia, Suíça alcançaram o Top #3.
Uma curiosidade quanto ao lançamento do single na Inglaterra a gravadora de Michael distribuiu junto com o disco umKit de Primeiros Socorros completo e acessível com materiais imediatos para alguma emergência.



Abaixo os fãs podem a edição especial do CD-single de Heal The World lançado no Japão distribuídas em um lote limitado. Essa canção ficou na #8 posição das mais tocadas nas rádios daquele país, um sucesso só comparado á musicas como Billie Jean, Thriller e Black Or White:



Para a promoção de Heal The World no México a Sony Music divulga seu single especial exclusivo no país. A versão mexicana que alcançou o top da paradas mexicanas trouxe no seu single exclusivo a faixa instrumentais e o folder especialmente traduzido.



Com Dangerous Michael Jackson fez sucesso por todo o mundo e mais na Europa do que nos Estados Unidos. Se analisarmos somente os numeros de venda desse disco, na Europa vários lançamentos especiais foram destaque desse álbum, um deles é a edição chamada Long-Box com uma tiragem única e limitada exclusivamente comercializada para o publico britânico:



Quando a Sony Music comercializou cópias limitads do Long-Box de Dangerous na mesma época em que divulgava o single Heal The World a gravadora satisfeita com a #1 posição alcançada por essa canção no Reino Unido distribui o single com bônus de 4 canções e + o pôster especial, destaque para o mix de Wanna Be Startin Somethin’

Michael Jackson chega à Romênia para promover a sua fundação Heal the World. O Rei do Pop na presença do primeiro ministro do país oferece uma entrevista coletiva destacando os objetivos da Heal The World Foundation: como prioridade máxima, velar a saúde e o desenvolvimento das crianças, ser a voz e atrair a atenção do mundo para as necessidades e direitos das crianças, ajudar a criar um mundo onde as crianças possam viver sem violência e que cada geração tenha a oportunidade de crescer:



Michael Jackson leva o show Dangerous para o Estádio Nacional de Bucareste/Romênia para um total de 70.000 pessoas. Andy Morahan que dirigiu o clipe da musica Give In To Me utiliza cerca de 14 cameras para registrar o espetáculo trasmitido ao vivo ans rádios para 61 países. Estima-se que os royalites para a trasmissão chegaram a 15 milhões de dólares:



Durante a Dangerous Tour vários itens oficiais foram comercializados dentro e fora dos estádios onde eram realizados os concertos. Entre vários outros itens que vocês verão nesse tópico especial sobre a Era Dangerous, a jaqueta que foi comercializada somente na Europa é uma das mais legais, ela na época foi distribuída até mesmo em lojas de musica e atualmente é disputada em sites de compra e venda: - abaixo a foto da Dangerous Official Jacket:



Michael Jackson chega ao aeroporto de Ataturk em Istambul para seu primeiro concerto em terras muçulmanas. O show da turnê Dangerous ficou conhecido na época como o Concerto da Nova Era, porém cinco horas antes de atuar do Estádio Inonu Michael Jackson adia o show devidfo a problemas vocais – os fãs ficam desapontados e começam a sair do estádio; Michael Jackson volta para Londres para uma consulta médica, acredita-se que o Rei do Pop tenha desenvolvido nódulos em suas cordas vocais uma doença comum entre os cantores. Felizmente nenhum dano sério foi constatado Michael teve que descançar por varias semanas.



Com o cancelamento dos shows na Turquia e Atenas a turnê de Dangerous chega ao fim pela Europa. Dos 42 concertos realizado no continente europeu foram realizados 37 shows 5 deles foram cancelados.



(*foto: Sábado, dia 10 de outubro o canal a cabo HBO trasmite o show Dangerous Tour gravado em Bucareste, o programa conquista a maior audiência do ano de 1992 e Michael Jackson chega a receber 20 milhões de dólares com a trasmissão do mágico show).

Desde seu sucesso de Thriller varias outras gravadoras mesmo ilegal aproveitam para lançar discos com canções do Rei do pop seja elas remixes ou não, em 1992 Androgenous Records comercializa somente na Alemanha o álbum: He Drives Me Wild: The Rare Promo Mixes. Esse disco com cerca de 80 minutos de duração traz os melhores remixes (DMC) já feitos com canções hit da carreira de Michael tais como: Smooth Criminal, The Way You Make Me Feel, Bad, Jam e Black Or White. He Drives Me Wild: The Rare Promo Mixes ainda conta com canções nunca lançadas oficialmente tais You Can Win (do filme The Wiz) e Dangerous Medley.



Tudo sobre o álbum Dangerous foi legal: a obra de arte, os vídeos, da turnê e as canções. Abaixo podemos juntos conferir com + detalhes a versão exclusiva do CD Dangerous lançado na Austrália em 1992. Aparentemente na capa não tem nada de especial mais em seu conteudo traz os melhores remixes já produzidos com as canções de Dangerous. Essa edição especial inclui um CD bonus com 8 faixas remixadas: Who Is It (IHS), Black Or White, Remember The Time, Jam, In The Closet, Give In To Me Rock With You e Don't Stop Til You Get Enough, todos em (mix).



Michael Jackson capa de revistas, Blue Jean (Turquia) traz Rei da musica pop arrebentando na peformance de Jam; enquato a revista austríaca Rennbahn Express remonta na sua capa cenas do making-offdo clipe inovador, Black Or White. Outras capas de revistas publicadas no mundo foram a Tempo Magazine (Alemanha) e Qui Hebdo (Canadá) que traz Michael com Liz Taylor:



Michael Jackson recebe o premio Billboard Awards 1992 como o artista que vendeu mais singles e álbum em todo o mundo naquele ano. O Rei do Pop não comparece a cerimônia e recebe os prêmios da mão do cantor Phil Collins. A cerimônia ainda presta homenagem aos 10 anos de Thriller, ao final uma apresentação exclusiva de Black Or White - LIVE é televisionada durante a premiação.



Depois de uma parada de quase um mês Michael Jackson volta aos palcos com seu show Dangerous. O Rei do Pop desembarca no aeroporto de Narita em Tóquio para nove concertos no Estádio Tokyo Dome entre os dias 12,14,17,18,19,22,24,30 e 31 de Dezembro de 1992. Em uma conferencia para imprensa no consulado norte-americano Michael Jackson aceita o cheque de 100.000 dólares doados para Pepsi.Co para sua fundação Heal the World.



(*foto:Todos os ingressos para os nove concertos da Dangerous Tour / Japan foram esgotados, Michael Jackson encanta 405.000 fãs japoneses. O último concerto no Japão, Slash faz uma aparição surpresa e toca junto com Michael o HIT Black Or White).

Com um trabalho de capa artístico diferente para a versão (Japão) o álbum promocional vendido apenas em concertos da Dangerous Tour, Tour Souvenir CD Singles trouxe na sua caixa quatro singles que fizeram sucesso na Era Off The Wall / Thriller / Bad e Dangerous, destaque para a canção Come Together do disco 5



Michael Jackson é convidado a festa da posse do novo presidente dos Estados Unidos da America, Bill Clinton em janeiro de 1993. Michael se junta a várias outras celebridades no 52° Presidential Inaugural Gala e é recebido com uma granade salva de palmas de todos os presentes. O Rei do Pop antes de cantar Gone Too Soon discursa sobre a AIDS e cita seu amigo Ryan White; Michael também canta o hit Heal The World.



O 20° American Music Awrads é realizado no Shrine Auditorium em Los Angeles e Michael Jackson gana duas das 5 nomeações: Melhor Single Soul / R&B (Rememeber The Time) e Melhor Álbum Pop / Rock (Dangerous). Michael Jackson ainda ganha pela terceira vez o premio especial da noite como o Artista Internacional do Ano. Na ocasião o Rei do Pop celebra com uma performance especial e inédita de Dangerous:



Michael Jackson hipnotiza 133 milhões de telespectadores durante a final do Super Bowl. O Rei do Pop canta o mix: Bille Jean/Black Or White e Heal The World no Estádio Rose Bowl em Pasadena na Califórnia no dia 31 de janeiro de 1993. Cerca de 100.000 pessoas assistem a performance icônica do astro. Depois o show, Dangerous sobre para a #26 posição dos álbuns mais vendidos da América vendendo cerca de 160.000 cópais em uma semana!



Michael Jackson e a apresentadora Oprah Winfrey começam a gravar o programa especial Michael Jackson Talks To Oprah. Antes do programa ir ao ar ambos tiram fotos divulgação:



No dia 10 de Fevererio de 1993, Oprah Winfrey uma das maiores apresentadora dos Estados Unidos invade o mundo de Michael Jackson em sua casa no rancho Neverland. Foi a primeira entrevista de Michael em 14 anos. No início da entrevista, Oprah afirmou que Michael havia concordado em ser questionado sobre qualquer aspecto de sua vida, sobre sua infância e os abusos que sofreu de seu pai, bem como trabalhar duro durante sua infância. Michael afirmou que ele muitas vezes se sentia muito só como uma estrela de infância. "Eu me lembro de ir ao estúdio gravar e havia um parque do outro lado da rua e eu via todas as crianças brincando e eu chorava porque eu teria que trabalhar, gravar os discos"



Quando perguntado sobre seu relacionamento com seu pai, Michael disse: "Eu amo meu pai, mas eu não o conheço". De sua mãe, ele declarou: "Minha mãe é maravilhosa. Para mim ela é a perfeição." Ele também confirmou que ele estava beatne por seu pai. Na entrevista vista por milhões de pessoas, Michael negou muitos rumores publicados por tablídes estavam cobertas e como a compra dos ossos do Homem-Elefante e se realmente dormia em um tanque de oxigênio. Ele também declarou pela primeira vez que a razão de sua cor de pele tinha mudado de negro para branco era por causa de um problema de pele conhecido como vitiligo.
Michael Jackson Talks To Oprah foi visto por mais de 90 milhões de espectadores nos E.U.A e após sua exebição as vendas do álbum Dangerous dispararam.



GIVE IN TO ME

Give In To Me o sexto single do álbum Dangerous, lançado em 1991. O Single foi um sucesso absoluto na Nova Zelândia, alcançando a 1ª posição por quatro semanas consecutivas. É o segundo maior sucesso de Michael na Nova Zelândia, ficando atrás apenas de Billie Jean. A canção tem participação do guitarrista do Guns N' Roses, Slash. O lado-B so single, vem com outras canções de rock do cantor como, Dirty Diana e Beat It (com participações de Steve Stevens e Eddie Van Halen, respectivamente).



Lançamento: 15 de Fevereiro, 1993
Vendas Mundiais do Single: 1.8 milhões
Vendas Digitais: 60.000
Letras e Composição: Michael Jackson e Bill Bottrell
Produção: Michael Jackson e Bill Bottrell
Guitarra: Slash
Baixo: Bill Bottrell
Teclados: Bill Bottrell
Bateria: Bill Bottrell



Dirigido por Andy Moharan o vídeo clipe de Give In To Me, Michael aparece como se fosse membro de uma banda de rock. No video, além de Slash outros membros do Guns N' Roses aparecem como, Gilby Clarke e Teddy Andreadis. Durante uma entrevista a Oprah Winfrey, Michael reveleou que o vídeo foi feito em apenas duas horas e as filmagens aconteceram na Alemanha dois dias antes de iniciar a sua turnê mundial Dangerous.



Com vendas acima das 1.5 milhões de cópias o single de Give In To Me foi lançado em diversos formatos de single. No Japão a edição exclusiva trouxe como faixa a chamada (Vocal Version) de Give In To Me e Dirty Diana como faixa B, canção #1 1988 do disco Bad.



Para a divulgação de Give In To Me nos Estados Unidos a Sony Music distribuiu Cd’s do single mesmo antes da capa original chegar nas lojas. O detalhe (foto) vai para apenas duas faixas que foram divulgadas nas estações de radio da américa, Give In To Me (Edit) e (Instrumental):



Detalhes da edição CD-single da musica Give In To Me lançado na França que por lá chegou na #7 posição das mais tocadas nas rádios. Entre as faixas do single estão, Dirty Diana (Bad) e Beat It (Thriller):



Desde que Beat It, havia quebrado barreiras raciais em 1983 fazendo rádios voltada para o público branco tocar música de negro e vice-versa, Jackson decidiu investir mais no rock, sempre convidando grandes guitarristas para fazer solos em suas músicas. Michael então convidou Slash, guitarrista que estava no auge na época, para fazer uma participação no seu novo álbum Dangerous na canção Give In To Me:



Edição especial do cassete do single Give In To Me que trouxe a a participação especial do guitarrista ex-Guns And Roses, Slash teve a versão comercializada na américa trouxe apenas duas faixas - virou um item de colecionador pois copias limitadas do K7 foram distribuídas:



Michael, capa de revistas durante a divulgação de Give In To Me. A edição australiana da revista Hit SongWords traz na capa o Rei da Musica pop com uma matéria sobre as canções memoráveis desse artista; outras capas, agora promocionais para a grande entrevista Oprah e Michael, (Mikro Gids) na Holanda traz a rainha da TV norte-americana entrevistado o Rei do Pop. Outras revistas: na Grécia Michael canta Jam (capa) e Walkman Magazine o Rei do Pop peforma Wanna Be Startin Somethin durante o show Dangerous.



Michael Jackson recebe duas indicações no Grammy Awards, Melhor Canção Pop (Black Or White) e Melhor Canção R&B (Jam), mas não ganha. Sua irmã Janet Jackson lhe dá o prêmio Legend e narra a trajetória do seu irmão até a conquista do estrelato:



Colhendo os frutos plantados pelo disco Dangerous, no dia 09 de Março de 93 Michael Jackson comparece ao Soul Train Awards e ganha duas das três indicações que tinha: Melhor Canção R&B (Remember The Time) e Melhor Álbum R&B (Dangerous). Para fechar o show, Michael que havia torcido o tornozelo durante os ensaios do dia anterior canta Remember The Time em uma cadeira! a performance mesmo assim é espetacular!



Aproveitando o desempenho espetacular de Michal Jackson no Soul Trian Awards de 1993, a gravadora re-lança nos Estados Unidos o single Remember The Time. O disco contem 5 faixas na sua maioria, remixes dessa canção:



Limitada em 199 unidades um trabalho de arte incrível realizada pela Solid Sounds na Inglaterra foi feita a partir da imagem de Michael no disco Dangerous. O trabalho mais que criativo ao lado mostra uma máscara cavada e esculpida em bronze. Há de se notar que estas máscaras de bronze não servem para mascarar, são modelos altamente especializados que servem apenas para a decoração:



De muletas Michael Jackson comparece ao evento beneficente realizado pela amiga, Elizabeth Taylor. O jantar AFI (American Industry Films) é realizado no Bervely Hilton Hotel em Los Angeles e arrecada fundos para instituições de caridade.



Devido a interpretação ''acapella'' de Michael Jackson da musica Who Is It no na entrevista com Oprah Winfrey, os americanos começam a ligar exaustivamente para as rádios pedido para que a gravadora de Michael lançassem uma nova versão da musica. A Sony reage rapidamente e em vez de lançar o single de Give In To Me no país, Who Is It é escolhida para a promoção de Dangerous:



O single especial lançado exclusivamente na américa trouxe a faixa tão pedida pelos fãs: Oprah Winfrey Special Intro. A sexta canção comercial do álbum Dangerous na América entra nas paradas Pop e Black nos números #14 e#6 respectivamente.

BET e Fox estreia o clipe da musica Whatzupwitu de Eddie Murphy com a participação do Rei do Pop, Michael Jackson. Dirigido por Wayne Isham, Whatzupwitu torna-se o 25° clipe mais importante da história de MTV, enquanto a musica decepciona nas rádios dos E.U.A chegando apenas na #75 posição..



Michael Jackson participa do World Music Awards em Mônaco. O Rei do Pop ganha três dos principais prêmios da noite; Artista de Maior Vendagem do Ano, Álbum Mais Vendido do Ano e álbum Mais Vendido de Todos os Tempos por Thriller:



Lançado como single em Junho de como parte da promoção para o álbum Dangerous Will You Be There foi outro grande hit desse álbum. Recebeu 7 certificados de ouro, mais do que qualquer outro single do álbum e vendeu mais de 2 milhões de cópias. Dessa forma, entrou direto no top 10 de países como França e Alemanha. Na Europa em geral o single permaneceu como o nº1 de Michael, até 1995, quando o astro lançou Earth Song, que se tornaria seu maior sucesso no continente.



Lançamento: 28 de Junho, 1993
Vendas Mundiais do Single: 8 milhões
Vendas Digitais: 723.000
Letras e Composição: Michael Jackson
Co-Produção: Bruce Swedien
Produção: Michael Jackson
Arranjos (Vocais): Michael Jackson
Orquestra: Andrae Crouch e Sandra Crouch
Maestro da Orquestra: Johnny Mandel



Will You Be There foi um dos maiores sucessos de Dangerous, permanecendo no top 40 durante mais de seis semanas no Reino Unido. O mesmo alcançado nos EUA, onde vendeu mais de 500.000 cópias e permaneceu no top 10 durante seis semanas, chegando ao número #7. O video clipe foi feito com cenas do show de 10 anos da MTV:



Capa de revistas Michael Jackson é a sensação POP na edição especial da revista francesaStar Club. Outras edições publicadas durante a época da divulgação do single Will You Be There foram, Pop Rocky, Smash Hits e Look In:




O single mais vendido do álbum Dangerous (8 milhões de cópias) Will You Be There também ficou classificado como disco de maiores vendas no ano de 1993 nos Estados Unidos, vendendo cerca de 1 milhão de cópias. Jackson disse que escreveu Will You Be There, sentado em uma árvore em seu rancho Neverland..



Will You Be There é divulgada oficialmente como trilha sonora do filme Free Willy.Tempo depois em 1994 a musica ganha o premio de Melhor Trilha Sonora no MTV Movie Awards.



O selo de Michael Jackson MJJ Music em companhia com a gravadora Sony lança a o Soundtrack (trilha sonora) do filme Free Willy que fatura mundialmente cerca de 150 milhões de dólares em arrecadação. Destaque além da faixa Will You Be There, a canção Didn't Mean to Hurt You dos sobrinhos de Michael, o grupo 3T:



A Sony Music lança um novo álbum do Rei do Pop chamado Signature Series, que foi dado aos clientes que compraram um Walkman da Sony. Nesse disco, dois novos remixes, (Wanna Be Startin 'Somethin' e Billie Jean) foram exclusivamente montados, o disco espcial trouxe também a versão em espanhol de I Just Can't Stop Loving You.



Enquanto Michael se prepara para o reinicio da turnê Dangerous, Someone Put Your Hand Out uma canção inédita produzida por Michael Jackson é lançada como parte integrante de uma promoção da Pepsi . O Rei do Pop lançou o CD e fitas promocionais dessa canção que foram vendidas no local dos concertos.



Someone Put Your Hand Out trouxe apenas 2 faixas: a canção principal que dá o nome a esse disco e um Medley de Dangerous: (Black Or White / Remember The Time / Heal The World e Can't Let Her Get Away / Give To Me e Dangerous). Esse disco especial foi somente comercializado durante a Dangerous Tour na Ásia.

Michael Jackson começa a terceira parte da turnê mundial Dangerous na Ásia, a Tailândia é o primeiro país a receber o astro da musica pop. Minutos antes depois de começar a imprensa local divulga que Michael Jackson está sendo investigado pela polícia de Los Angeles por abuso sexual de menores. Ao saber da noticia Michael solta um comunicado pelo seu assessor Bob Jones:

''Meus representantes me informaram do que vem acontecendo na Califórnia, estou confiante da eficácia de uma investigação justa e seu resultado irá provar que eu não fiz nada.de errado. Pretendo continuar minha turnê e espero vê-los. Agradeço o apoio que recebi dos fãs ao redor do mundo. Eu amo vocês'' - Michael Jackson.

O segundo concerto que Michael Jackson faria em Bangkok é cancelado o Rei do pop sofre de desidratação, recuperado dias depois, um outro concerto é remarcado para o dia 27 de Agosto e Michael Jackson atua brilhantemente:



Depois de levar mais de 70.000 pessoas no show em Bangkok Michael Jackson chega para realizar dois concertos em Cingapura. O primeiro show realizado no dia em que Michael completou 35 anos leva cerca de 45.000 fãs. Porém no segundo show, quando estava prestes para entrar no palco o rei do Pop desaba e tem um colapso; Michael Jackson é levado imediatamente para o hospital. Dias depois Michael Jackson pede descxulpas aos fãs e remarca uma nova data para o concerto:



Acompanhando o sucesso de Dangerous, os anos de OURO da Motown Records é lançado em Michael Jackson: Antology. A compilação originalmente lançada em 1986 e re-lançada em 1993/1995 e 2008 traz um álbum duplo com 40 musicas que ficaram para sempre marcada na voz do pequeno Michael. Michael Jackson: Antology até esta presente data já vendeu cerca de 3.5 milhões de cópias em todo o mundo.



MICHAEL JACKSON NO BRASIL

Ele se apresentou pela primeira vez no País em setembro de 1974, quando tinha apenas 16 anos, durante turnê do Jackson Five pela América Latina. Na ocasião, Michael Jackson já era a grande sensação e principal compositor das músicas do grupo. Além de São Paulo, fez shows em Brasília, Porto Alegre, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.



Já consagrado no mundo da música, Michael Jackson retornou ao Brasil em 1993 para fazer dois shows em outubro daquele ano no Estádio do Morumbi, em São Paulo. Filas de fãs se formaram na porta do local nos dias que antecederam as apresentações. Cerca de 200 mil pessoas assistiram aos shows.

Mas o fato mais marcante aconteceu quando o cantor caminhava pela cidade com sua comitiva de vans, depois de visitar a fábrica de brinquedos Estrela. Um dos carros atropelou dois adolescentes e Márcio Alberto de Paulo, com 15 anos na ocasião, quebrou a perna. Para não manchar a sua passagem pelo País, ele foi visitar o garoto no hospital.



Michael Jackson ficou hospedado no Sheraton Mofarrej Hotel perto da Avenida Paulista, no cardápio menos exigente, frango empanado da rede Kentucky Fried Chicken, latas de Pepsi Cola e videogames passaram pelo apartamento do popstar Michael Jackson na sua turnê no Brasil. MJ também arranjou um tempo para brincar e foi ao parque de diversões (PlayCenter) de São Paulo.



Depois de tocar para mais de 200 mil no Brasil a turnê Dangerous segue para Santiago e México, infelizmente a última parada da tour. No dia 12 de novembro de 1993 depois de atuar para cerca de 500.000 pessoas no México Michael Jackson anuncia o cancelamento da turnê mundial.



(*foto: cenas do último concerto da Dangerous World Tour no México. Michael Jackson cancela os shows, estresse e vício em medicamentos cancela a turnê).

Em meio de especulações, insinuações e mentiras sobre Michael Jackson a gravadora lançaDangerous: The Short Films que incluem todos os clipes do álbum Dangerous + bastidores e cenas inéditas. O (VHS) vende cerca de 60.000 cópias na primeira semana de lançamento nos Estados Unidos e chega a #2 posição dos mais vendidos na Inglaterra. Em 2001 a gravadora comercializa Dangerous: The Short Films agora em formato (DVD)



No dia 22 de Dezembro do ano de 1993, o momento mais triste para os fãs. Michael Jackson está em rede nacional (CNN, FOX, CBS, CBS) transmitem simultaneamente ao vivo direto deNeverland o discurso de defesa de Michael Jackson. O artista, triste com toda a situação causada agradece o apoio e amor incondicional dos fãs:



GONE TOO SOON

Em meio a polemicas envolvendo o nome Michael Jackson, a gravadora lança o ultimo single promocional do álbum dangerous, Gone Too Soon. A canção lançada em dezembro de 1993, como o nono single de Dangerous se tornou um sucesso nas paradas em vários países: França, Alemanha, Holanda, Nova Zelândia, Suíça e Reino Unido. Gone Tôo Soon não foi lançada nos EUA, mas se tornou um hit na África, onde alcançou o número #3.



Lançamento: 06 de Dezembro, 1993
Vendas Mundiais do Single: 300.000
Vendas Digitais: 25.000
Letras e Composição: Buz Kohan e Grossman Larry
Produção: Michael Jackson
Percussão: Paulinho da Costa
Baixo: Abraham Laboriel
Teclados: David Paich
Sintetizadores : David Paich, Steve Porcaro e Boddicker Michael



Gone Too Soon foi dedicado à memória do amigo de Michael Jackson Ryan White, um adolescente de Kokomo, Indiana , que chamou a atenção nacional, após ser expulso de sua escola por ter HIV/AIDS. O vídeo musical dirigido por Bill DiCicco trouxe cenas de Jackson e Ryan White juntos, bem como a cobertura breve de enterro do garoto. Durante os meses que antecederam sua morte Michael fez de tudo para realizar os sonhos de Ryan; Michael até comprou um carro esportivo. Ryan faleceu em abril de 1990...



Gone Too Soon tem uma outra versão até agora desconhecido pelo seus fãs. Antes da produção da versão finalizada de Jackson havia gravado uma versão demo da música, com vocais diferentes. A musica antes se chama Sunflower, ou Girassol.



Em 1993, a unica performance ao vivo de Gone Too Soon foi cantada por Michael durante a pose do presidente Bill Clinton. A estrela pop dedicou a sua performance á Ryan White, e aproveitou para falar sobre a AIDS:

''Gostaria de ter um momento nesse da cerimônia falar de alguém muito pessoal. Trata-se de um querido amigo meu, que não está mais conosco. Seu nome é Ryan White. Ele foi diagnosticado com o vírus da Aids quando tinha onze anos. Ele morreu pouco depois de completar dezoito anos, idade em que os jovens estão começando a explorar as possibilidades maravilhosas da vida. Meu amigo Ryan foi brilhante, muito corajoso, e um jovem que nunca quis ser um símbolo ou um porta-voz de uma doença mortal. Ao longo dos anos, eu tenho compartilhado momento felizes e muitos momentos dolorosos com Ryan e eu estava com ele no final de sua breve jornada. Ryan desapareceu e, como qualquer um apenas que perdeu um ente querido para a AIDS. A minha esperança é que o presidente eleito Clinton em sua administração empenhe os recursos necessários para eliminar essa doença terrível que levou meu amigo, e terminou a vida de tantos outros...



(*foto: Michael Jackson durante o funeral de seu amigo, Ryan White.)

Publicado como single final para promoção do álbum Dangerous, Gone Too Soon também foi lançado como single comercial no Japão (assim como outras canções de Dangerous). Por lá, a musica alcançou o Top 50 das mais ouvidas:



Dangerous foi o primeiro álbum lançado por Michael Jackson na década de 90. O cantor surpreende novamente ao vender mais de 30 milhões cópias até hoje. O álbum marcou o término da parceria de 12 anos entre Jackson e Quincy Jones na produção, que nesse disco fica a cargo, essencialmente, de Teddy Riley. Dangerous reúne 14 canções e gerou nove compactos, incluindo três números um nos Estados Unidos: Black or White (Rock), Remember the Time(R&B) e In The Closet (R&B). Outras canções, como Heal The World e Will You Be There, tema do filme Free Willy (1993), também se tornaram imeditamente reconhecidas, ou ainda faixas não tão populares no grande público, mas que se tornaram enormes secessos de New Jack Swing/R&B como: Jam e Dangerous.

por Felipe Nascimento [Z1M] ::
mjBeats - todos os direitos reservados :: ©2002/2011::

_______________
avatar
Unbreakable
Administração
Administração

Número de Mensagens : 499
Data de inscrição : 17/05/2008

Ver perfil do usuário http://unbreakable.ativoforum.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum